BRASILEIRO SÉRIE C

Após empate com o CSA, Marcinho reclama de arbitragem no Castelão

Técnico do Moto reclama da expulsão do lateral-direito Diego Renan, que deixou o Moto com um a menos por 30 minutos durante a partida deste sábado.

Após o empate em 1 a 1 com o CSA na noite deste sábado, no Castelão, o técnico do Moto, Marcinho Guerreiro, reclamou da arbitragem no jogo. Aos 15 minutos do segundo tempo, José Claudio (SP) expulsou o lateral-direito Diego Renan, no que entendeu ser uma entrada violenta em campo. Com isso, o Moto atuou durante 30 minutos com um a menos.

marcinho-2Foto: TV Mirante.

– A equipe do CSA tem qualidade e é lamentar. Agora tem que trabalhar para mais um jogo fora. Com menos um foi dolorido, aguentar um tempo todo com um a menos. Se o árbitro não interferisse na partida, conseguiríamos a vitória – disse Marcinho.

O treinador também lembrou de elogiar o elenco do Moto. Para Marcinho os jogadores estão se empenhando ao máximo para tirar o time da briga contra o rebaixamento.

– Foram com bola alçada e no fim conseguiram. Os jogadores estão de parabéns, porque eles vem fazendo muito por esse time e a torcida precisa apoiar. Temos que trabalhar porque já tem um jogo difícil contra o Botafogo-PB.

Com o empate diante do CSA, o Moto chega aos 13 pontos e segue na oitava colocação da Série C. O Rubro-Negro volta a campo no próximo domingo para encarar o Botafogo-PB, no Almeidão.

Fonte: globoesporte.com

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s